Alegre à Presidência

Alegre à Presidência
Já ninguém duvida disso
E aqueles que o não querem
Vão dizendo que é feitiço

O poeta patriota
Canta a Praça da Canção
Coimbra, Argel, Lisboa
Todas com sua emoção

Lhe construíram a história
Do Niza ao Adriano
Da música ‘té à canção

Com essa longa memória
De trovador pessoano
E aquela voz de trovão!…

Manuel Sadino
20/1/10

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s